Começou a Liga de Clubes

– CHEL E AAC DESTACAM-SE NA LIDERANÇA DA 1ª DIVISÃO

Iniciou-se no passado sábado, 9 de Novembro, no Polidesportivo de Angeja, a Liga de Cubes 2019/2020 numa organização conjunta da Federação Portuguesa de Badminton e do Clube de Albergaria. Os treze clubes participantes concentraram-se para um dia repleto de grandes jogos, vários deles apenas decididos na «negra».

Na 1ª Divisão, os campeões e os vice-campeões nacionais em título, CHEL e AAC respetivamente, já lideram a classificação ao fim de duas jornadas mas estiveram longe de ter uma estreia fácil na Liga.

A equipa algarvia começou por defrontar o CSMA e teve um começo auspicioso com Tomás Nero/Ana Reis e Bernardo Atilano a ganharem os primeiros dois jogos. Contudo a equipa madeirense recuperou com as vitórias de Helena Pestana sobre Catarina Cristina e dos experientes Fernando Silva/Hugo Rodrigues sobre os campeões nacionais em título Bruno Carvalho e Tomás Nero (que estavam invictos em Portugal desde Novembro de 2018). Tudo foi decidido no quinto e último jogo com o par senhora Ana Reis/Daniela Conceição a selar a vitória dos campeões por 21-10/19-21/21-18 sobre Helena Pestana e Vânia Camacho. No segundo encontro do dia, a CHEL derrotou a equipa da casa por 4-1.

Já a AAC, depois de vencer o CA por 4-1 na jornada inaugural, teve de lutar muito para conseguir os três pontos diante dos recém promovidos do FAC. Uma FAC motivada depois da vitória por 3-2 na primeira jornada contra o CDRP criou muitos problemas à equipa de Coimbra. Depois da vitória para os academistas de Rui Mendes sobre Simão Ferreira num equilibrado jogo inaugural, os famalicenses responderam com vitórias incontestadas em singular e pares senhoras enquanto o encontro de par homem foi ganho, também de forma inequívoca, pela AAC. Tudo se decidiu no par misto onde Miguel Pinto/Ana Santos tiveram de reagir à vitória de Simão Ferreira/Sónia Gonçalves no set inaugural para conquistarem a vitória no jogo e no encontro para a Académica de Coimbra.

Entre outros destaques da primeira divisão nesta jornada concentrada, realça-se a vitória do CDRP sobre os rivais ilhéus do CSMA por 3-2 em mais um emocionante encontro apenas decidido no quinto jogo com Duarte Anjo/Sofia Setim a confirmarem o favoritismo contra Fernando Silva/Helena Pestana. A prestação do par misto da equipa da casa Ricardo Silva/Alice Silva também merece relevo pois conquistaram as duas vitórias do dia para o Clube de Albergaria derrotando adversários fortes em jogos de grande qualidade e em que mostraram que poderão vir a ter uma palavra a dizer nas próximas jornadas.

2ª DIVISÃO – 2 EQUIPAS INVICTAS APÓS A PRIMEIRA JORNADA

No arranque da segunda divisão há para já duas equipas invictas, SCB e AAE (esta com apenas um jogo realizado). A primeira jornada da divisão secundária destacou-se pelo desnível no resultados dos encontros com AAE, CREA e SCB a derrotarem por 5-0 o CABRIL, MVD e SIMPS respetivamente.

No entanto, a segunda jornada trouxe mais equilíbrio entre os clubes que estiveram em ação. O Sporting Clube de Braga destacou-se na liderança desta divisão ao derrotar o CREA por 4-1 num encontro com vários parciais equilibrados. Em outros jogos que se podem vir a revelar fundamentais na luta pela final four, o MVD venceu o CABRIL por 3-2 enquanto o SIMPS obteve o mesmo resultado contra o NGD.

VÁRIAS NOVIDADES ACOMPANHAM A REFORMULAÇÃO DA PROVA

A acrescentar à renovação que o formato da prova sofreu somam-se outras novidades que permitem pautar a Liga de Clubes pela diferença num esforço por valorizar mais a imagem do badminton português. A colocação de tapetes sintéticos no local da prova, a transmissão de vários encontros na página oficial de facebook da FPB, a forte atividade nas redes sociais da Federação Portuguesa de Badminton e dos clubes participantes conduziu a uma excelente promoção da modalidade ao longo do dia de prova.

Os procedimentos de apresentação das equipas estabelecidos pela equipa de Juízes Árbitros, Augusto Ínsua Pereira e Susana Maldonado, perfilando e apresentando individualmente os elementos das equipas antes de cada encontro também trouxe maior dinamismo do que era usual e, juntando-se a isso, o cumprimento entre as equipas adversárias antes do jogo numa demonstração de grande fair-play, a Liga de Clubes começa desde já a criar as suas próprias tradições que prometem ajudar a marcar a diferença desta prova.

86 jogadores e 13 árbitros em representação dos clubes envolvidos e a presença de algum público permitiu que esta fosse uma jornada com um ambiente e uma atmosfera de grande entusiasmo e apoio aos atletas que se espera que possa continuar nas próximas jornadas.

A segunda jornada concentrada da Liga de Clubes disputa-se no próximo dia 25 de Janeiro no Pavilhão Municipal Jacinto Correia, em Lagoa, naquele que deverá ser um regresso em força do badminton nacional ao Algarve e à «casa» da equipa que tem dominado esta competição na última década.

Classificação:

1ªDivisão                                                                      2ªDivisão

1ºLugar – CHEL – 6 Pontos                                       1º Lugar – SCB – 6 Pontos

2º Lugar – AAC – 6 Pontos                                        2º Lugar – AAE – 3 Pontos

3º Lugar – FAC – 4 Pontos                                         3º Lugar – CREA – 3 Pontos

4º Lugar – CDRP – 4 Pontos                                      4º Lugar – SIMPS – 3 Pontos

5º Lugar – CSMA – 2 Pontos                                      5º Lugar – MVD – 3 Pontos

6º Lugar – CA – 0 Pontos                                            6º Lugar – NGD – 1 Ponto

7º Lugar – CABRIL – 1 Ponto

Pode consultar os resultados e classificações da Liga de Clubes em https://www.tournamentsoftware.com/sport/draws.aspx?id=8E7D5405-31A3-4E02-B640-4CABF9882A8C